Nomes da cachaça: é possível conhecer todos?

Nomes da cachaça: é possível conhecer todos?

cachaça

Entenda a história e como derivaram alguns nomes da cachaça pelo Brasil.

Levanta a mão quem mora em um lugar em que a cachaça não chama cachaça! 

Você sabia que encontramos diferentes nomes da cachaça pelo Brasil? A Bananazinha ficou curiosa e foi buscar alguns sinônimos para a cachaça. Ela pode ser chamada de pinga, aguardente, caninha, três dedos, entre muitos outros. Até mesmo a sua origem é complicada de entender, porém todas as suas referências já nascem com complexo de inferioridade.

A origem dos nomes da cachaça

Existem vários termos, de diferentes procedências, que podem ter influenciado a escolha do nome “cachaça”. Por exemplo, em Portugal e na Espanha, as pessoas se referiam à aguardente de uva.

Por muitos séculos houveram perseguições e proibições, forçando que a produção e o consumo da cachaça fossem feitos às escondidas. Por isso, também era usado o verbo francês “cacher”, que significa esconder.

Acredita-se que o termo “cachaço”, também tenha servido para dar nomes à cachaça. Ele se refere ao porco selvagem reprodutor, que sua carne dura era curtida em aguardente.

Nomes da cachaça

Com o passar do tempo, a população brasileira foi encontrando outras formas de chamar a cachaça. Muitas vezes para enganar a fiscalização de Portugal, já que a cachaça era proibida nas terras coloniais, outras vezes para se retratar da bebida com carinho.

Muitas se perderam com o passar do tempo, porém várias se enraizaram na cultura brasileira e estão em dicionários e livros, sendo mais de 700 sinônimos para a aguardente, que variam de acordo com a região do país.

Alguns dos nomes da cachaça pelo país

Pinga: A origem dessa palavra está historicamente ligada a uma dose de bebida, na época o vinho. Ao ser introduzida e popularizada em Minas Gerais, a cachaça começou a ser chamada de pinga, justamente porque era tomada em doses.

Há quem diga também que pinga se refere à destilação em alambique de cobre, onde o vinha da cana é aquecido, resfriado e condensado lentamente, saindo aos pingos.

É importante destacar que esse sinônimo tem diferentes conotações, de acordo com a região do Brasil. Em Paraty e no interior de Minas Gerais, por exemplo, pinga é referente à cachaça de qualidade. Já em São Paulo, esse termo faz menção ao produto de baixa qualidade.

Brejeira: Esse sinônimo está na lista de nomes da cachaça e vem da Paraíba.  Ele se refere a pequenos produtores da bebida em alambique em uma tradicional região de produção de lá, o Brejo Paraibano.

Paraty: Alguns documentos oficiais mostram que a cachaça produzida em Paraty já era de bastante prestígio no período colonial. Assim, a fama da cidade ficou de tal tamanho, que se tornou sinônimo da bebida.

Salinas: da mesma forma do parágrafo acima, a cidade de Salinas, no norte de Minas Gerais, teve sua fama na década de 1940 e, ainda hoje, é realizado todos os anos o Festival Mundial da Cachaça Salinas.

Café-branco: como dito antes, a cachaça teve sua produção e consumo proibidos durante muitos anos. Por isso, as pessoas enganavam a fiscalização pedindo uma xícara de café-branco, assim elas recebiam no balcão um pires e uma xícara, sem a colher para mexer.

Existem vários outros nomes da cachaça espalhados pelo Brasil e cada um varia de acordo com a cultura e história da região. Apontamos alguns neste artigo, mas queremos saber mais.

E você, sabe a história da Bananazinha?

A Bananazinha foi fundada em 2014 como uma marca Brasileira de bebida mista. Inicialmente produzida no interior de Goiás (Goianésia), hoje tem sua sede operacional na cidade de Goiânia-GO às margens da BR 153.

Além da garrafa de 900ml ornamentada que circula por vários estados do país, nosso grande lançamento de 2019 ganhou bastante destaque. Foi a embalagem plástica PET de 200ml, também conhecida como garrafinha de bolso, que ganhou o coração de todos os fãs por ser uma versão para consumidores individuais em lugares que não podem entrar vidro.

Em todo o Brasil está havendo um grande aumento do consumo de bebidas artesanais, o que faz do nosso segmento da Bananazinha  uma das grandes promessas de mercado para os próximos anos.

Quer saber mais? Acesse www.bananazinha.com.br.

Ah, e conte para a gente como a cachaça chama na sua região.